/ Blog

Um fórum de debate dos temas da comunicação, aberto à participação de todos os que atuam no segmento. Entre e deixe o seu recado.

Idiomas no âmbito corporativo: perspectivas e oportunidades do espanhol

17 maio 2019

Confira no texto dessa semana, a experiência internacional de um dos integrantes do time da Press, Victor Tavares.

A globalização nada mais é que a aproximação das sociedades e nações nos âmbitos: econômico, social, cultural ou político. Essa concepção e organização moderna da sociedade demandaram novas habilidades, como por exemplo, o ensino de idiomas. O anglicismo, por exemplo, está massivamente presente no nosso dia a dia. Da tecnologia ao papo de rua, as expressões estrangeiras são incorporadas à nossa fala e estão presentes principalmente aos mais jovens que não gostam de spoilers, mas adoram wi-fi e smartphones. Nos escritórios realizamos releases, meetings, calls, e o deadline deve ser cumprido.

O inglês se tornou praticamente um pré-requisito no mundo corporativo e é essencial para quem almeja se tornar um cidadão do mundo globalizado. De acordo com a ideia de que o inglês é visto como “obrigatório”, o espanhol ganha espaço e relevância no cenário. As companhias buscam colaboradores que dominem o castelhano devido aos números em ascensão que essa língua traz consigo. Um bom exemplo é o bloco econômico Mercosul, a 5ª economia do mundo, que investe mais de US$ 824 milhões em projetos de infra-estruturas. São mais de 577 milhões pessoas que falam o espanhol, ou 7,6% da população mundial, segundo dados do Instituto Cervantes.

O espanhol é a língua materna em 21 países, os nativos somam 480 milhões de pessoas. Mais de 21 milhões de alunos têm o espanhol como língua estrangeira desde 2018. O Brasil, principal membro do Mercosul, é o segundo país no ranking, somando mais de 6 milhões de estudantes, atrás apenas dos Estados Unidos, com mais de 8 milhões, onde 17,8% da população é hispânica.

Nas produções cinematográficas, os países hispanohablantes também se destacam. Entre os 15 principais países produtores de filmes do mundo, três têm o espanhol como língua nativa: Espanha, Argentina e México. Os idiomas são importantes para a carreira profissional e para a construção de identidade de qualquer cidadão, principalmente na cultura Latino-americana.

Eu tive a oportunidade de realizar dois intercâmbios, um em Córdoba, na Argentina e outro em Neiva, na Colômbia. No primeiro eu fiz durante o verão, focado na gramática e na cultura argentina. O segundo fui contemplado com uma bolsa pelo programa BRACOL com o intuito de complementar a graduação em relações públicas estudando Jornalismo na Universidad Surcolombiana. Também iniciei um mestrado na Universidad de Buenos Aires e aprimorei ainda mais a língua, enfatizando a escrita. Além disso, também morei por quase quatro anos na fronteira do Brasil com a Argentina no Rio Grande do Sul, o que facilitou a prática.

As oportunidades imersivas abriram-me portas em São Paulo. Meu primeiro emprego na capital paulista foi numa multinacional brasileira que atende países da América Latina, sendo México, Argentina e Chile. O segundo emprego também foi conquistado por ser bilíngue, e atualmente trabalho na assessoria de imprensa da operadora de viagens Forma Turismo – Operação LATAM.

Em suma, posso afirmar que o espanhol é um idioma que oferece diversas oportunidades. Ele complementa a formação de qualquer graduação e te torna um cidadão com mais conhecimento. Eleva as oportunidades de conhecer países e pessoas. Além disso, as raízes do português e do espanhol provêm do latim, justificando as semelhanças e intersecções de ambas as línguas, o que torna a aprendizagem mais rápida e prazerosa.

Está ciente da relevância e desse panorama que envolve o espanhol? Precisa de dicas ou de ajuda? Bora conversar.

Victor Augusto Cinquini Tavares

Victor é relações públicas formado pela Universidade Federal do Pampa (Unipampa) e estudante de pós-graduação em Comunicação e Marketing pela Universidade Anhembi Morumbi. Atuou por 4 anos como bolsista em projetos da Unipampa em diversos eixos. Realizou estágios na área de comunicação corporativa, possui artigos científicos e capítulos de livros publicados em revistas e congressos. Possui prêmios no segmento audiovisual e em pesquisa de opinião pública. Atua como Assistente de Comunicação Corporativa Jr. na Press à Porter. É viciado em viajar, estudar idiomas e explorar culturas. Admirador nato da sétima arte e expressões populares.

CONTRIBUA COM O BLOG PRESS

Envie seu texto para [email protected]

Blog Press